Na noite de ontem, poucas horas antes do Lakers entrar em quadra para enfrentar o Indiana Pacers, Kobe Bryant anunciou a sua aposentadoria. O jogador vai disputar somente as partidas restantes desta temporada e, então, parar de jogar. Ele se despediu tipo com um texto bem piegas, até meio brega – faz parte, nessas horas tá permitido ser assim.

Veja o original:

“Dear Basketball,

From the moment
I started rolling my dad’s tube socks
And shooting imaginary
Game-winning shots
In the Great Western Forum
I knew one thing was real:

I fell in love with you.

A love so deep I gave you my all —
From my mind & body
To my spirit & soul.

As a six-year-old boy
Deeply in love with you
I never saw the end of the tunnel.
I only saw myself
Running out of one.

And so I ran.
I ran up and down every court
After every loose ball for you.
You asked for my hustle
I gave you my heart
Because it came with so much more.

I played through the sweat and hurt
Not because challenge called me
But because YOU called me.
I did everything for YOU
Because that’s what you do
When someone makes you feel as
Alive as you’ve made me feel.

You gave a six-year-old boy his Laker dream
And I’ll always love you for it.
But I can’t love you obsessively for much longer.
This season is all I have left to give.
My heart can take the pounding
My mind can handle the grind
But my body knows it’s time to say goodbye.

And that’s OK.
I’m ready to let you go.
I want you to know now
So we both can savor every moment we have left together.
The good and the bad.
We have given each other
All that we have.

And we both know, no matter what I do next
I’ll always be that kid
With the rolled up socks
Garbage can in the corner
:05 seconds on the clock
Ball in my hands.
5 … 4 … 3 … 2 … 1

Love you always,
Kobe”

Não curti muito o modelo por se basear na carta que Jordan escreveu quando se aposentou (MJ também escreveu para o “querido basketball…”). Mas enfim, Kobe tem essa noia de querer superar/ser Jordan…

Pra quem não tem saco para isso, ele justifica que o corpo não aguenta mais jogar. Nenhuma novidade, é claro, mas ninguém sabia ao certo se ele jogaria mais uma temporada ou não.

a carta foi entregue para os torcedores na entrada do ginásio

É um mero palpite, mas imagino que o péssimo começo dele nesta temporada tenha influenciado muito na decisão. Do jeito que ele é obcecado em títulos e recordes, eu tenho certeza que continuaria por mais um tempo caso estivesse em melhor forma. Não só fisicamente, mas Kobe está esgotado tecnicamente.

Não tiro nenhum mérito da sua carreira – ele foi meu primeiro grande ídolo no jogo, a homenagem feita a ele  quando entrou em quadra ontem foi linda e etc-, mas deixo as homenagens para os zílhões de outros sites que tratarão disso com muito mais competência.

O que resta saber agora é qual Kobe vai jogar nos próximos meses. Aquele que estava chutando muito e mal, atrapalhando o time e se frustrando ou um veterano mais consciente do seu papel, liderando um time em desenvolvimento e se despedindo, com calma, de cada uma das quadras e torcidas da liga, com boas apresentações aqui e ali?

Eu espero muito que seja a segunda opção. Tenho a esperança que, agora que admitiu que é o fim, jogue mais leve e sem responsabilidade. Tente muito menos e acabe acertando um pouco mais.

Kobe sempre foi um monstro e sempre foi individualista, mas nesta temporada ele estava mostrando apenas a sua pior face. Acho que o peso de más atuações seguidas com o declínio físico e técnico fez  Bryant jogar muito abaixo do que ainda pode. Se deixar a responsabilidade para os garotos, com certeza uma noite ou outra ele vai acabar metendo bons números e se despedir com mais dignidade.

No final das contas, o melhor para ele é tentar parar de dominar o jogo por completo – é uma bela forma de se despedir aos poucos e se acostumar a viver sem a bola na mão.