Esta temporada vai ser crucial para o Atlanta Hawks. O time não deve brigar por título, não vai fazer qualquer grande reformulação ou coisa do gênero, mas vai ser o ano em que tiraremos a prova se conseguiu implementar de fato uma ‘cultura da franquia’. Nos mesmos moldes que o San Antonio Spurs faz na NBA há duas décadas, o Hawks tenta emplacar um modelo de time de seja blindado a trocas de elenco, a estrelismos individuais ou modismos, mas baseado em uma filosofia de basquete coletivo, discreto e eficiente.

Até o momento tem dado certo: o ex-auxiliar do Spurs Mike Budenholzer conseguiu manter o time nos playoffs desde a sua chegada, elevou a franquia à melhor do Leste há dois anos e, nas últimas temporadas, só perdeu para o Cavs de Lebron na conferência.

No entanto, este ano será chave porque a franquia fez uma troca arriscada na sua espinha dorsal. Não renovou com Al Horford, pivô com discrição e eficiência características do time, e trouxe para seu lugar o ‘polêmico’ Dwight Howard, conhecido por ser um jogador abalado psicologicamente e infantil.

O estrelismo de D12 não condiz com a tal filosofia que faz do Hawks o time que há mais tempo se classifica para os playoffs no Leste (dez anos, atrás somente no Spurs na liga toda). Talvez a sua chegada em baixa ajude a cultura do time prevalecer – e até dar uma nova guinada na carreira do jogador.

dwight-howard-atlanta-hawks-nba

Offseason
Além da troca de Horford por Howard, o time despachou o armador titular Jeff Teague e promoveu o alemão Dennis Schroeder para a posição. Trouxe Jarrett Jack e Malcolm Delaney para a suplência na posição.

Time Provável
PG – Dennis Schroeder / Jarrett Jack / Malcolm Delaney
SG – Kyle Korver / Tim Hardaway Jr / Thabo Sefolosha
SF – Kent Bazemore / Mike Scott
PF – Paul Millsap / Mike Muscala / Kris Humphries
C – Dwight Howard / Tiago Splitter

Expectativa
Apesar dos riscos que existem de não dar certo, Paul Millsap é craque suficiente para segurar a barra do time junto com os colegas menos badalados. O natural é ir aos playoffs mais uma vez.

 

CompartilheShare on Facebook1kShare on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Reddit0Share on LinkedIn0Email this to someone